Paço de Abrançalha, Apartado 43

2200-006 Abrantes

 PORTUGAL

Telefone:  00351 241 332 370

Telemóvel:  00351 965 647 495

f

Fale Connosco,
deixe aqui a sua mensagem por favor

COPYRIGHT 2016  |  Delegação Portuguesa das Ordens Dinásticas da Casa Real de Sabóia ©

Web-Design criado por:

CCC_IMPACT DESIGN

 PORTUGAL

e a Casa de Saboia

A Casa de Saboia é a Casa Reinante mais antiga da Europa, com mais de mil anos.

O Conselheiro de Estado e Conde D. Jerónimo Marcello de Gubernatis em 1682 e o historiador Pierangelo Gentile em 2012, da Universidade de Turim reafirmam nas suas obras esta mesma antiguidade.

 

Ao longo da história mundial esta família soube sempre posicionar-se de forma inteligente mantendo alianças com as Casas Reinantes e Ordens militares e religiosas mais importantes.

Frontispício de Tratado impresso
Beata Margarida de Saboia
Dona Mafalda de Saboia
Rainda D. Maria Pia
Rei D. Luís I

D. Mafalda de Saboia casa com D. Afonso Henriques (1143-1185), tornando-se assim a primeira Rainha de Portugal, estando sepultada no Mosteiro de Santa Cruz de Coimbra. As relações entre Saboia e Portugal continuam. As suas três netas Sancha, Teresa e Mafalda são elevadas a Beatas pela Santa Sé.

 

Em 1434 Amadeu VIII, funda a Sacra Ordem Militar e Religiosa de S. Maurício no Castelo medieval de Ripaille, na alta Saboia, em França.

 

Nos primeiros anos do século XVI, a Infanta D. Beatriz, filha do Rei D. Manuel I de Portugal, vai casar a Saboia com o Duque Carlos III, levando consigo uma corte rica e numerosa que impressiona os saboianos.

 

A Duquesa de Mântua, outra senhora desta Casa, foi Vice-Rainha de Portugal durante a monarquia dual filipina.

No reinado de D. Afonso VI (1656-1683), Portugal tem uma Rainha consorte vinda de Saboia: D. Maria Francisca.

D. Maria Pia de Saboia, vem casar a Portugal com S.M.F. Rei Dom Luís I (1861-1889).

A Casa tem diversos Beatos, que são lembrados e celebrados no Calendário Litúrgico da Igreja Católica Romana.

 

Ao longo da história tiveram os seguintes títulos:

Conde e Duques de Saboia, Imperadores da Etiópia, Rei da Albânia, Rei de Chipre, Rei de Jerusalém, Rei da Croácia, Rei da Sardenha, Rei de Espanha e Reis de Itália.

Em 1946, S.M. Rei Humberto II de Itália, exila-se em Cascais, onde fica quase até á sua morte.

 
Grão-Mestre

S.A.R. Príncipe Real Vítor Manuel de Saboia nasceu em Nápoles a 12 de Fevereiro de 1937, filho de Sua Majestade o Rei Umberto II e de S.A.R. a Princesa e Rainha Maria José.

Vítor Manuel de Saboia foi o único filho masculino de Suas Majestades e, assim, Príncipe Herdeiro.

 

Em 1946, o Rei de Itália, Seu Pai, exila-se em Portugal, trazendo toda a sua Família, primeiro para Sintra e, depois, para Cascais, onde residem na “Villa Italia”, em frente ao mar. São muito bem acolhidos pelo governo português da época. O Príncipe Herdeiro reside diversos anos em Portugal e ainda na Suíça com Sua Mãe.

 

A Chancelaria régia de todas as Ordens Dinásticas da Casa Real de Saboia, funcionou quase até 1983, em Cascais, onde o Rei Umberto II mandou redigir diversas obras, entre as quais se destacam os dois volumes Elenco dei Cavalieri dell´Ordine Supremo della SS. Annunziata (1362-1962) e sua História, publicada em Cascais em 1962, por Vittorio Prunas Tola, sobre a Ordem Suprema da Santíssima Anunciação (O.S.S.A.), a mais alta condecoração italiana.

Principe Emanuel Filiberto e a Princesa Clotilde de Saboia com a Princesa Vitória
Grão-Mestre
Principe Vítor Manuel IV de Saboia e a Princesa Marina de Saboia

Nas palavras proferidas pelo Santo Padre Pio XII a 28 de Dezembro de 1939, ao Rei de Itália: La SS. Annunziata gode profondere i tesori della Sua grazia sulla Reale Famiglia, la cui prosápia si onora di venerarla come la più alta insegna del suo culto cavalleresco.

 

Em 1970, o Príncipe Herdeiro casa com a Excelentíssima Senhora Dona Marina Ricolfi Doria, de família suíça com origens em Itália. Deste matrimónio, do Príncipe Herdeiro e Sua Mulher, nasce em 1972, em Genebra, S.A.R. Manuel Filiberto de Saboia, Príncipe do Piemonte e de Veneza, único filho do casal, actual Presidente da Associação Internacional Cavaleiros Ordens Dinásticas de Saboia, com descendência.

 

Desde a morte do Rei Umberto II, em 1983, que Sua Alteza Real o Príncipe Vítor Manuel é o Chefe da Casa Real de Itália, dedicando-se com grande paixão ao desenvolvimento das actividades de ajuda humanitária em prol dos mais pobres, doentes e crianças.

 

Actualmente é o XXVIII Grão-Mestre da Ordem Suprema da Santíssima Anunciação, XVII Grão-Mestre da Ordem dos Santos Maurício e Lazaro e VI Grão-Mestre da Ordem Civil de Saboia.

 
Rainda D. Maria Pia